Objetivos para 2021

em

Como é habitual, esta é a altura em que se estabelecem objetivos para o novo ano. Apesar de não ter sido um assunto a que dei muita importância ao longo do ano passado, este ano estou decidido a dedicar-me mais a cumprir os meus objetivos e a monitorizar e reportar a evolução do seu cumprimento.

Estes são os meus objetivos, pessoais e financeiros, para 2021.

Tipo ObjetivosObjetivoMetaAtualAtingido
FinanceirosTaxa de poupança de 15%4 200,00 €0,00 €0,00%
Recebimento de dividendos500,00 €0,00 €0,00%
Vender artigos que não uso150,00 €0,00 €0,00%
Reduzir despesas domésticas anuais700,00 €0,00 €0,00%
PessoaisLer livros sobre finanças e investimentos500,00%
Escrever artigos no blog5000,00%

Objetivos financeiros

Aumentar a taxa de poupança

O primeiro objetivo é o de aumentar a taxa de poupança anual relativamente ao ano passado.

Terminámos 2020 com uma taxa de poupança de 11,30% e o objetivo para este ano é aumentar este valor para 15%. Desta forma, espero conseguirmos poupar 4.200€ no total do ano.

Ao mesmo tempo, quero ir investindo uma grande parte desta poupança à medida que ela for sendo gerada, de forma a ir também aumentando o valor da renda passiva gerada pelos meus investimentos.

Aumentar dividendos recebidos

Com o aumento do valor investido na minha carteira de ações, o valor dos dividendos recebidos também deverá aumentar.

No ano passado, o total de dividendos foi de 252,86€. No entanto, como muitas empresas que fazem partem do meu portfólio só foram adquiridas ao longo do ano e não recebi os dividendos anuais por completo, mesmo que não fizesse nenhuma mais nenhuma adição ao portfólio durante este ano, o total de 2021 seria superior (considerando que nenhuma delas cortaria o seu dividendo). Por outro lado, a contínua desvalorização do Dólar, faz com que cada dividendo que recebo seja inferior ao anterior.

Mesmo assim, e como estou decidido a reforçar o portfólio, tracei como objetivo para 2021 receber pelo menos 500€ em dividendos.

Se não acontecer nenhum desastre na economia, penso que será um valor perfeitamente atingível.

Vender artigos que não uso

Este tem sido um assunto que tenho vindo a adiar há muito apenas por preguiça. Tenho um conjunto de coisas espalhadas pela casa e pela garagem que já não utilizo e que só se estão a estragar à medida que o tempo passa, coisas essas que podem ter algum valor para outras pessoas.

Publicidade

Assim, durante o ano vou fazer uma revisão a tudo o que não utilizo e o que ainda estiver em bom estado e atual, vou colocar à venda numa das plataformas de venda de artigos em 2ª mão.

Espero com isto libertar espaço e ainda realizar 150€ com eles.

Reduzir despesas domésticas

Durante 2020, também devido à pandemia e às restrições, não nos preocupámos muito nas contas da casa. Já que não tínhamos os gastos normais em transportes, almoços fora, passeios, etc. tentámos mimar-nos com o que fosse possível. Em consequência, os nossos gastos especialmente em restaurantes e mercearia subiram bastante.

Este ano vamos tentar voltar ao normal e baixar estas despesas em 700€ no total do ano. São cerca de 60€ por mês, por isso, penso que não é um objetivo ambicioso demais e mais 700€ no fim do ano sabem sempre bem.

Abrir conta poupança TAP e BES

Não inclui este objetivo na folha de Excel onde vou monitorizar o cumprimento dos objetivos mas acho que este ano deveria abrir uma conta onde colocar a parte do dinheiro que eu ganho que vai ser dedicada a salvar a TAP e o BES.

É certinho como o destino que tanto a TAP como o BES vão necessitar de ajuda nos próximos anos, como aconteceu nos anteriores, por isso mais vale contar já com isso e colocar algum dinheiro de lado para esse fim. Não me custa nada e tenho a certeza que eles fariam a mesma coisa por mim.

Objetivos pessoais

Ler livros

Antes de aparecer a pandemia, estava a criar o hábito de ouvir audiolivros relacionados com finanças pessoais e investimentos nas viagens de e para o trabalho. A pandemia veio interromper esse hábito porque desde março que não gasto 1h30 para ir trabalhar e outro tanto para voltar a casa.

No entanto, quero continuar a minha aprendizagem e, para tal, defini o objetivo de ler/ouvir pelo menos 5 livros durante este ano. Não me parece um objetivo difícil de atingir, mas confesso que em casa há sempre algo alternativo para fazer e muitas vezes nem sequer me lembro dos livros, pelo que atingir este objetivo vai depender mais da minha força de vontade e do tempo em que continuaremos em teletrabalho.

Manter o blog

O meu objetivo para a criação deste blog foi o de documentar a minha experiência de tentar melhorar as minhas finanças pessoais e criar uma fonte de rendimento passiva que me ajude na reforma.

Durante este primeiro ano senti que, ao partilhar os meus pensamentos e as minhas ideias aqui e tendo já pessoas que acompanham este blog, isso me fez ficar mais focado e determinado em alterar algumas coisas que eu acho que podiam melhorar.

Quem tem um blog sabe que nem sempre é fácil arranjar disponibilidade, vontade e assuntos de forma a manter uma certa continuidade, pelo que é muito fácil deixar cair um projeto destes ao fim de algum tempo.

No entanto, tenho vontade de continuar este projeto e acho que ele me ajuda a cumprir os meus objetivos, pelo que defini o objetivo de publicar pelo menos 50 artigos no blog durante este ano. É perto de um por semana, pelo que acho que também não será difícil de cumprir.

Para além destes objetivos, gostaria que 2021 fosse o ano em que deixo de fumar em definitivo. Para já, no curto prazo, não estou em condições psicológicas para fazer nova tentativa. Fumar para mim não é só o ato físico de meter nicotina no sistema. É todo um conjunto que me faz fazer pausas no trabalho, levantar-me da cadeira por uns minutos, socializar um pouco e, desde o confinamento, uma oportunidade para apanhar um pouco de ar fresco já que mal saio de casa.

Tenho mais dificuldade em abdicar destes pequenos rituais do que da nicotina em si, mas sei que me faz muito mais mal do que bem e, por isso mesmo, espero que este ano seja capaz de deixar.

Espero cumprir todos os objetivos a que me propus e irei dar conta da evolução de cada um, periodicamente, aqui no blog.

Desejo um excelente ano novo a todos vós, com muita saúde e cheio de sucessos pessoais e profissionais.

RBhttps://www.casacomtodos.com
Informático, de profissão e vocação, adora fazer caminhadas, correr, ver séries e ler livros de finanças pessoais. Destas, apenas 2 são mesmo verdade.

1 COMENTÁRIO

  1. Vou só deixar esta ideia aqui: porque não fazer as pausas para espairecer/conviver (quando voltar a ser possível), mas sem o tabaco?

    Nunca fumei e sempre fiz as pausas juntamente com o pessoal q fuma – era uma forma de me obrigar a parar para descansar os olhos, sem precisar de qualquer desculpa (do tabaco) para o fazer. Nunca fui censurada por ninguém e recomendo vivamente.

    O nível “pro” deste desafio é parar e, em vez de fumar, comer uma peça de fruta 😛

Deixar um comentário

ATUALMENTE A LER

MAIS POPULARES

COMENTÁRIOS RECENTES